SINPOL RIBEIRÃO PRETO

CONVÊNIO MÉDICO

Associados participam de reunião sobre planos de saúde

Cerca de 80 pessoas lotaram o auditório da Sede Social do Sinpol e puderam ter ideia de como será a transição entre os planos de saúde da Hapvida para a Sermed

Cerca de 80 associados lotaram o auditório da Sede Social do Sinpol

A diretoria do Sinpol realizou, na noite de 28 de junho, uma reunião com os associados que mantém, através do sindicato, plano de saúde. O presidente do Sindicato, Célio Antônio Santiago e os diretores Júlio Cesar Machado, Fátima Aparecida Silva e Cristina Moroti Félix estiveram à frente para tentar solucionar as dúvidas entre os associados.

Em assembleia realizada no dia 25 de novembro de 2021, insatisfeitos com o atendimento prestado pelo Grupo Hapvida/São Francisco, os associados aprovaram por unanimidade que a diretoria fechasse uma parceria com a SERMED Saúde.

Desde então, as negociações estão em andamento e o plano passou a ser comercializado no início de 2022. A transição, contudo, tem gerado algumas dúvidas. “Por mais que a diretoria esteja sempre à disposição e esclarecendo as dúvidas, mudar de plano de saúde gera uma insegurança. Mas a diretoria do Sinpol está convicta de que esta é a única saída para que tenhamos um atendimento digno, o que não vem ocorrendo da parte da Hapvida”, explica Célio.

Reunião

Cerca de 80 pessoas lotaram o auditório da Sede Social do Sinpol para participar da reunião. O conselheiro fiscal do Sindicato, Júlio César Machado, durante a conversa com os associados, explicou que o Sinpol tem trabalhado para o Hapvida e, pior, tem visto as constantes negativas para exames clínicos, consultas, procedimentos.

“Temos uma parceria de mais de 20 anos. Mas enquanto a Hapvida só visar lucro, só visar dinheiro, não teremos nossas necessidades atendidas. Claro que, se eles realmente prestassem um atendimento satisfatório, seria nossa melhor opção. Mas não acredito que isso vá acontecer. E a Sermed está procurando nos atender da melhor forma”, explicou.

As principais dúvidas são em relação à transição. Júlio explicou que deve ser feita de forma suave e transparente. De forma gradativa, sem prejuízo para o associado, principalmente aqueles que estão em tratamento ou com cirurgias marcadas, por exemplo.

Os diretores do Sinpol procuraram esclarecer todas as dúvidas

A principal queixa dos conveniados da Hapvida é quanto ao descredenciamento maciço de médicos conhecidos dos associados. Muitas queixas também denunciaram que o Hapvida tem se recusado autorizar exames mais complexos que são pedidos pelos próprios médicos do plano de saúde. “Nem mesmo teste de covid-19 eles quiseram fazer em um associado”, acrescentou Júlio.

Por essas questões, o Sinpol tem apostado que a mudança será a melhor forma de receber um atendimento que o policial civil e seus familiares merecem. Quanto aos policiais civis de outras cidades, Júlio explicou que não será preciso mudar agora, mas que a Sermed já está trabalhando para aumentar sua rede credenciada em toda a região onde o Sinpol atua. Porém, o diretor ressaltou que, em Ribeirão Preto e Sertãozinho, a estrutura da Sermed não deixa nada a desejar.
O plano SERMED Saúde utiliza os hospitais São Lucas e Ribeirânia, dois dos mais respeitados centros hospitalares do interior do Estado. E conta com uma rede de médicos sempre em crescimento. O grupo tem aceitado indicações e buscado incluir em seu corpo clínico médicos que antes atuavam pelo Grupo São Francisco e foram descredenciados. E tem conseguido um grande número de adesões.

Outra questão abordada é o plano familiar. Segundo Júlio, não há mais comercialização desse tipo de plano e, se fosse pela vontade da Hapvida, já teriam encerrado os em andamento pelo Sinpol, por essa razão nenhum convênio comercializa mais esse tipo de plano.

Ao fim da reunião, os diretores do Sinpol se colocaram à disposição de cada um dos associados para resolver essa questão. “Essa foi nossa segunda reunião. Temos publicado um farto material de esclarecimento em nosso site e enviado nos grupos de WhatsApp. E vamos ligar para cada um dos associados que tenham plano de saúde para esclarecer as dúvidas. O que não impede de nos procurarem aqui no Sinpol. Eu, o Célio, a Fátima, a Cristina e nossas funcionárias, devidamente preparadas, estamos prontos para tirar todas as dúvidas”, concluiu. Veja mais fotos da reunião abaixo.

Sinpol – Comunicação Social

Postagens Relaciondas